31 maio 2019

Pequena Cronologia da HQ - parte 7

Segue a série...

1620

O Filho Pródigo - artista Frans Francken II (1581 - 1642 - atual Bélgica)

Via Real Museu Holandês
Nesse mesmo anos vemos:

Uma sátira aos Jesuítas - obra anônima - via British Museum;

Comemoração da coroação de Frederick V "Rei da Boêmia" - obra anônima - via British Museum;

1621

Execução de rebeldes boêmios em Praga - obra anônima - era comum à época um quadrinho seguido de um texto abaixo (quiçá pra abacar os dois públicos, o alfabetizado e o não)

Via British Museum
1625

16 conspiradores papistas contra os reinos de Elizabeth I e James I - gravador Cornelius Danckerts (1561 - 1634 - Holanda) - publicado em Londres.
O interessante aqui é verificar o uso de balões de fala, não é bem uma HQ mas traça um paralelo (em dois quadros) para cada conspirador sua pena respectiva.

Via British Library
1627

Vida de São Tomaz de Villanueva - atribuído ao artista Jan Baptiste Collaert (1590 - 1627 - atual Bélgica)

Via Real Museu Holandês
 Nesse mesmo ano vemos:

Eleição e coroação de Ferdinand II;
E outra HQ com nove cenas apenas da Coroação de Ferdinand II - artista Frans Hogenberg (?) (1535 - 1590 - Holanda/Alemanha)

Via British Museum


13 abril 2019

Zé Caipora, capítulo 75. Um herói multimídia.

Aqui termina (?) a saga.
Este é o último capítulo publicado do herói que enfrentou animais selvagens, salvou a vida de um índio, abriu fogo contra uma tribo inimiga, começou atrapalhado e apaixonado e acabou apaixonado e preso...

Cap. 75 - 15 de dezembro de 1906 - ed. 222 do quinto ano de O Malho
Até 1908 Agostin colaborava frequentemente com a revista O Malho, não se sabe porque deixou a saga incompleta.
Foram 75 capítulos no espaço de 23 anos (de 1883 até 1906), com um intervalo sem publicações da série que vai de 1888 até 1900; em 1901 Agostini retoma a série, republicando os capítulos iniciais em Don Quixote.  Em 1902 começam os capítulos inéditos.
No século XIX apenas 24 capítulos foram publicadas (de 1883 até 1887), todos na Revista Illustrada.
O herói foi homenageado com uma polka e uma peça teatral no século XIX, além de compilados - pelo menos dois volumes - com alguns capítulos iniciais, algo como um comic book ou graphic novel.

A partir do capítulo 36, de 28 de outubro de 1905, O Malho começa a publicar a série.
O herói contou com dois filmes mudos, segundo o Athos Caradoso (página 29), consegui apenas esta referência na internet:  Interfilmes.
Em 29 de janeiro de 1887 estréia a peça Zé Caipora - escrita por Oscar Pederneiras (1858 (?) - 26 de agosto de 1890).  Oscar era irmão de Raul Pederneiras.  Abaixo o anúncio no Diário de Notícias (onde Oscar trabalhava).

Anúncio na coluna à direita (superior) in Foyer
A peça contou com pelo menos 27 representações no Teatro Príncipe Imperial (capital fluminense).  O livreto da peça era oferecido como brinde aos assinantes.  Houve pelo menos uma representação da peça no Teatro Phenix Nictheroyense.  A primeira crítica à peça provalvemente foi esta de 31 de janeiro - coluna "De palanque".
Zé Caipora também participou do carnaval - no 8º carro alegórico do Bloco/Escola de Samba Club dos Fenianos - DN de 22 de fevereiro de 1887.
Pra quem não conhece Oscar Pederneiras (que aqui dizia não ter cedido os direitos da peça) segue uma imagem dele:

Via Biblioteca Nacional (RJ) - desenho de M. J. Garnier

04 abril 2019

Pequena Cronologia da HQ - Parte 6

Segue a série...

1618

A Vida de Santa Gertrudes de Nivelles.  Artista:  Adrian Collaert (1560 - 1618 - atual Bélgica).

Via Museu Real Holandês
 1619

Conflito entre Católicos e Protestantes - início da Guerra dos 30 anos.  A HQ mostra partes do conflito na Boêmia como se fosse uma peça teatral.  Artista:  Raphael Custos (1590 - 1664 - atual Alemanha).

Via British Museum - melhor resolução in 30leta valka

 Neste mesmo ano temos:

Coroação de Frederico V;
-  Essa interessante fábula, feita por um artista anônimo com texto de Petrus Fradelis (?), elogiando Frederico V (por ter domado o leão-Boêmia (?)):

Via British Museum - via Biblioteca Digital Alemã - via RDK Labor (com data de 1620)
- Esse rosário do artista Antonie Wierix II ou provavelmente de Anton Wierix III (?) (1596 - 1624 (?) - atual Bélgica):

Via Museu Real Holandês - "Nascimento de Cristo"
Via Museu Real Holandês - "Flagelo de Cristo"
Via Museu Real Holandês - "Ascensão de Cristo" - provável publicação entre 1605 e 1619 (do Rosário)

- Assassinato de Concino Concini ("Conchine" em francês), o Marechal d'Ancre/Marquês d'Ancre - 1575? atual Itália - 1617 França).  Obra do ateliê do artita belga/alemão Frans Hogenberg (1535 - 1590).

Via Museu Real Holandês (que dá um intervalo provável da publicação de 1617 a 1619, optei pela data mais recente) - via BnF/Gallica (com a data da publicação em 1617) -  via BDZoom (com data de 1617 e citando o artista como sendo Abraham Hogenberg (1578 - 1653) - foi essa postagem que me inspirou a criar essa cronologia)

*Há outra HQ (quadrinhos acima e um texto eplicativo embaixo) sobre a morte de Concini, esta inclui também a mulher dele, sem data (provavelmente 1617) e anônima - você pode encontrá-la neste link da BnF/Gallica.
 

30 março 2019

Pequena Cronologia da HQ - Parte 5

Segue a série...

1609

Quadrinização da peça teatral comemorativa do cessar-fogo conhecido como Trégua dos Doze Anos (em meio à Guerra dos 80 anos entre Espanha e Holanda), o autor da peça - Pieter Corneliszoon Hooft (1581 - 1647 Holanda) - fez um paralelo entre a fundação da República Romana por Brutus (por causa do estupro sofrido por Lucrécia) e a futura independência holandesa.  O artista holandês Claes Jansz Visscher (1586/1587 - 1652) fez a HQ:

Via Museu Real Holandês
1613

Vida de São Francisco.  Artista italiano Raffaello Schiaminossi (?) (1572 - 1622).

Via British Museum
1614

Vida de São Cataldus.  Artista italiano/belga  Hendrick van Schoel (1565 (?) - 1622).

Via Museu Real Holandês
1615

Casamento do Conde Wolfgang Wilhelm com Madalena da Baviera.  Artista belga/alemão Frans Hogenberg (1535 - 1590)

Via Museu Real Holandês


Der Juden Badstub (O Judeu Badstud - conta com uma versão em livro, seria o mesmo personagem?).  Artista anônimo, atual Alemanha, também no ano de 1615 (?) :

Via British Museum

*editado em 03 de abril de 2019 para atualizar dados do autor da peça (1609)

25 março 2019

Pequena Cronologia da HQ - Parte 4

Segue a série...

1599

"O Triunfo de Júlio César" (em 9 quadros) pode não ser quadrinho mas está bem próximo dos progressos de Hogarth - que em muitas cronologias consta como HQ.  A arte fica por conta de Andrea Andreani (1560 - 1610 - atual Itália).
Prancha 1
Prancha 2 - encontrei apenas oito pranchas na LofC.
Prancha 3
Prancha 4
Prancha 5
Prancha 6
Prancha 7
Prancha 8
Prancha 9


"Martírio de São Lourenço" - artista Antonio Tempesta (?) (1555 - 1630 - atual Itália).

Via British Museum
1600

As Idades do Homem - artista D de Vosthem (?)

Via British Museum
* esses progressos apareceram com muita frequência, portanto vou deixar aqui vários exemplos nesse link do Museu Real Holandês e retornarei apenas com um belo exemplo do século XIX.

* esse Sketchbook italiano bem poderia ser quadrinho, falta-lhe apenas um roteiro.

1601

História de Santa Cecília - artista Adriaen Collaert (1560 - 1618 - atual Bélgica)

Via British Museum

1604

Francesco Vanni (1563/64 - 1610 - atual Itália) possivelmente foi o autor de pelo menos 10 HQs:

Vida de São Gregório
Vida de São Carlos Barromeo
Vida de São Jerônimo
Vida de Santo Estêvão
Vida de São Domingos
Vida de Santo Alberto
Vida de São Pedro
Vida de Santo Agostinho
Vida de São Francisco de Assis

Vida de Santa Catarina de Siena - Via Museu Real da Holanda
1606

Vida de Santo André Zorard (Andreas Zeorardus) e São Bento de Skalka - artista Michel Faulte (?) França.

Via British Museum

18 março 2019

Pequena Cronologia da HQ - Parte 3

Seguindo a série...

1573

Vida de São Francisco de Paula - artista:  Mario Cartaro (?) (1540? - 1620 Napoli - Itália)

Via British Museum
1578

Mais uma versão da parábola O Velho, o menino e o burro - artista:  Giovanni Batista de'Cavalieri (?) (1529 - 1597 - atual Itália).

Via British Museum
1580

A idade da Mulher - mais outro 'progresso'.  Atribuído ao artista Nicolò Nelli (1552 - 1579 - atual Itália), a título de confrontação no link a seguir painel desenhado por ele - via Alamy.  Também é atribuído a ele uma quase cópia de A idade do Homem (1540) que você pode ver aqui no link do British Museum.

Via British Museum
1581

Cenas da vida de São Domingos de Gusmão - artista:  Bernardino Passeri (?) (1540 - 1596 - atual Itália).

Via British Museum
1598

De geboorte van Paris; Paris ontvoert Helena uit de tempel te Cythera; Het huwelijk van Paris en Helena - do nascimento de Páris ao casamento dele com Helena de Troia, passando pelo rapto desta por aquele - ou em outras palavras, O início da Guerra de Troia. (leitura do disco no sentido anti-horário, começando por cima).
Atribuído ao artista Marten de Vos (1532 - 1603 - atual Bélgica)

Via

11 março 2019

Pequena Cronologia da HQ - Parte 2

Seguindo a série...

1536

Artista Daniel Hopfer (circa 1470 - 1536 - atual Alemanha).
Foi o primeiro (?) a usar 'Água-forte' em seus trabalhos.
Neste exemplo Deus envia Seu filho para carregar a cruz, logo temos a ressureição, o último julgamento etc.  Optei pela data mais recente provável.

Via British Museum
Ele também quadrinizou outras partes da Bíblia:  Mateus 23:13-31; Mateus 6:9-13; Mateus 10:34-38; mais um outro exemplo bíblico da arte de Daniel Hopfer in Alamy Stock Photo.

1540

Die Lebensalter des Mannes - A idade do Homem - impresso por Jörg Breud II (1510 - 1547 atual Alemanha), obra atribuída ao também artista alemão Hans Holbein der Jüngere (1497/98 - 1543). Xilogravura do ano de 1540, conforme o registro no British Museum.  Aqui talvez a primeira versão de um "progresso" humano, esse tipo aparecerá constantemente até meados do século XIX - mesmo no nosso século XXI ainda é lembrado com memes ou afins:
Via WikiMedia Commons

 1540

História do Primeiro Homem - artista Heinrich Aldegrever (1502 - 1561 (?) - atual Alemanha).  Algumas obras dele aqui.

Via Library of Congress

1547

Horaria Commemoratio Dominice Passionis - algumas cenas da Paixão de Cristo - artista Hans Schäufelein ou Franz Behem (1500 - ? - atual Alemanha (?)).

Via British Museum

1550

O velho, o menino e o burro - optei pela data mais recente - quadrinização da fábula feita com base em desenhos de Hans Schäufelein, impresso por Monogrammist HS segundo o British Museum:

Inté.